Redes Sociais

Nosso Whatsapp

 (88) 9.9749 4686

Encontre o que deseja

<
NO AR

Portal, TV e Rádio

    Várzea Alegre

Situação dos detentos de Várzea Alegre na CPPL 3 é preocupante, diz Luiz Ricardo, advogado criminalista

Publicada em 23/01/19 as 17:27h por Portal, TV e Rádio | Tudo num só lugar - 3051 visualizações

Compartilhe
   
Link da Notícia:
O advogado criminalista e conselheiro da OAB, Luiz Ricardo, esteve nesta terça-feira (22) na CPPL 3 de Itaitinga, em Fortaleza, visitando os detentos que foram transferidos de Várzea Alegre.

De acordo com o advogado, a situação a que os presos estão submetidos é preocupante, tendo em vista que alguns deles continuam com a mesma roupa que usavam quando foram levados de Várzea Alegre. Ele enfatiza que não se trata de usar o mesmo uniforme da prisão, que é padronizado, mas as mesmas peças de roupas que usavam no dia da transferência, em 12 de janeiro.

Luiz Ricardo também relatou que levou malotes com materiais básicos de higiene enviados pelos familiares para serem entregues aos detentos, mas a administração da penitenciária não os recebeu, e ele teve que devolver tudo às famílias neste no município.

Para o advogado, a situação a que os presos estão submetidos, não apenas seus clientes, que são 08 do total de 38 que foram transferidos, é um desrespeito às leis nacionais e internacionais que tratam de questões de cumprimento de pena. Luiz Ricardo deixou claro em entrevista exclusiva ao repórter Nonato Alves, que não se trata de aliviar a pena dos detentos, mas sim, de respeitar a lei de execução penal, que estabelece direitos mínimos aos presidiários.

O advogado afirmou que já deu conhecimento de causa à OAB-Subsecção Iguatu e ao promotor de Justiça de Várzea Alegre, para que medidas sejam tomadas em relação ao caso. Confira a entrevista na íntegra na TV Várzea Alegre.com.






ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

2 comentários


Felisberto

26/01/2019 - 14:26:35

Esses presos deixaram um regime de mordomia,com tv,dvd,rádio,celular, gelágua,cinco refeições diárias,visitas sexuais,redes armadas,todos deitados e fazendo barulho até altas horas(pergunta-se,a quem interessava essa situação?),qual cidadão,nessa crise tem acesso a tanta regalia?a cidade se livrou de 40 marginais e deve agradecer a Deus por isso.Quanto a cppl 3,acho que confundem com os shoppings Iguatemi,Rio mar...Esses bandidos não foram passear na ensolarada fortaleza de José de alencar.foeam cumprir pena.Enquanto não cessarem os ataques terroristas,nao haverá visita, não haverá entrega de material.Seus protegidos ficarao sob custódia do ESTADO 24 horas por dia.sem mínimo.....OK


Rose

24/01/2019 - 23:13:51

Isso aí Dr Ricardo ninguém pode julgar ninguém pq qualquer um está sujeito de passar por tudo que eles estão passando se existe a lei é pra ser cumprida


Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário

Nossos Parceiros

 
 
 

Nosso Whatsapp

 (88) 9.9749 4686

Visitas: 79662 |  Usuários Online: 101

Todos os Direitos Reservados | Várzea Alegre.Com - TV e Rádio Web | 2007/2019 - Todos os direitos reservados