Redes Sociais

Nosso Whatsapp

 (88) 9.9749 4686

Encontre o que deseja

<
NO AR

Portal, TV e Rádio

    Várzea Alegre

Vereadora Luciana Rolim pede instalaçao de CPI para apurar construção de banheiros em Canindezinho. Ex-prefeito Vanderlei Freire diz que se pronunciará em breve sobre a questão

Publicada em 13/02/19 as 19:17h por Portal, TV e Rádio - 365 visualizações

Compartilhe
   
Link da Notícia:
 (Foto: Portal, TV e Rádio)
O caso envolvendo a FUNASA é antigo. Começou em 2012, ainda na segunda gestão do prefeito Zé Helder (MDB). Naquela época foi realizado um convênio no valor de R$ 500.000,00 (quinhentos mil reais) destinados à construção de 136 banheiros no distrito de Canindezinho, Zona Rural de Várzea Alegre. Agora, o caso ganha um novo desdobramento, com a possibilidade até de instalação de uma CPI - Comissão Parlamentar de Inquérito na Câmara de Vereadores. 

O começo de tudo

A primeira parcela do convênio no valor de R$ 250.000,00 (duzentos e cinquenta mil reais) foi liberada na gestão de Zé Helder. De acordo com informações, a prestação de contas referentes a este recurso foi aprovada pela FUNASA, que posteriormente liberou a segunda parcela de mais R$ 250.000, 00 (duzentos e cinquenta mil reais), só que agora na gestão do ex-prefeito Vanderlei Freire, em julho de 2014.
 
A celeuma

Recentemente, a prefeitura publicou uma matéria informando que Vanderlei Freire foi condenado a devolver R$ R$ 120.624,14 (cento e vinte mil, seiscentos e vinte e quatro reais e catorze centavos) que fazem parte daquela verba liberada em sua gestão e que não foram aplicados na construção de banheiros, razão pela qual as contas foram desaprovadas pela FUNASA, órgão que cobra a devolução da quantia citada anteriormente.

Oposição x Situação

Obviamente que a nota publicada dando conta da condenação pela FUNASA gerou insatisfação entre apoiadores do ex-prefeito Vanderlei, que entenderam o caso como perseguição política. Já a situação defende que haja mais esclarecimentos sobre o caso.

Com a palavra Vanderlei

O ex-prefeito explicou que o recurso em questão foi bloqueado pela Justiça para pagamento de precatórios e que nunca desviou recurso público durante sua gestão. Ele enfatizou que recorrerá da decisão de devolução do dinheiro cobrado e defendeu que a conta deve ser ressarcida pela prefeitura.

Uma CPI

Diante do impasse, a vereadora do PV, Dra Luciana Rolim, pediu nesta terça-feira, durante a Sessão da Câmara de Vereadores, para que seja instalada uma CPI - Comissão Parlamentar de Inquérito para investigar o caso. A vereadora afirmou que é preciso saber se a obra foi concluída completamente, porque a FUNASA não aprovou as contas referentes ao caso, e que os recursos cobrados sejam devolvidos, uma vez que o ex-gestor teve tempo de regularizar a situação e não o fez. 

Sobre a CPI

A reportagem entrou em contato via whatsapp com o ex-prefeito Vanderlei Freire na noite desta quarta-feira (13), quando ele disse que estava em viagem, mas prometeu se pronunciar em breve sobre o desdobramento do caso.  





ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário

Nossos Parceiros

 
 
 

Nosso Whatsapp

 (88) 9.9749 4686

Visitas: 55583 |  Usuários Online: 10

Todos os Direitos Reservados | Várzea Alegre.Com - TV e Rádio Web | 2007/2019 - Todos os direitos reservados